Foto: Carlos Insaurriaga
A data era atípica: uma segunda-feira. Não é uma data costumeira para o futebol, mas ela certamente vai entrar para a história rubro-negra das grandes partidas. Depois de correr para liberar as arquibancadas móveis, sem sucesso, o Brasil viu a Maior e Mais Fiel, no espaço disponível, dar um show fora do campo e o time do técnico Rogério Zimmermann o seu show dentro do campo. Resultado: uma vitória sobre a Portuguesa por 4 a 1. Brock, Washington, Leandrão e Leandro Camilo marcaram os gols Xavantes. Guilherme Queiroz descontou para os paulistas.

A bola mal havia rolado e com vinte segundos Felipe Garcia quase abriu o placar. Aos 17, Wender cobrou lateral, Washington desviou de cabeça e a bola ia para Leandrão. A zaga paulista cortou e ela caiu nos pés de Brock que, de primeira, na meia lua, mandou uma bomba no canto esquerdo de Tom, balançou as redes e fez a alegria da Maior e Mais Fiel. Aos 34, Felipe Garcia disputou bola no ar e ela sobrou para Leandrão, que de fora da área, bateu rasteiro e viu a bola tirar tinta da trave esquerda de Tom.

Ainda no primeiro tempo, Brock, aos 45, cobrou falta pra área e Felipe Garcia, na segunda trave, tentou marcar o segundo e o goleiro Tom salvou. Dois minutos depois, porém, o Brasil iria com uma amplitude no placar para o intervalo. Brock cobrou escanteio com perfeição, o zagueiro Leandro Camilo subiu alto e cabeceou com força, para o chão, a bola explodiu na trave, e sobrou para Felipe Garcia que cabeceou para o alto e Washington, na pequena área, só desviou de cabeça para o gol. Brasil 2 a 0.

O segundo tempo começou e Márcio Jonatan, no primeiro minuto, partiu em velocidade, deu dribles, e, da entrada da área, chutou forte. A bola explodiu na trave esquerda de Tom e sobrou para o artilheiro rubro-negro Leandrão empurrar para as redes. Brasil 3 a 0. Aos 3, o camisa 9 chutou de fora da área e tentou o quarto Xavante. No quinto minuto do segundo tempo, Guilherme Queiroz acertou um belo chute e descontou para a Portuguesa

Mas, o quarto gol sairia logo em seguida. Aos 9, em escanteio pela direita, Leandrão cabeceou com força, a bola ia se encaminhando para o gol e Leandro Camilo tratou de empurrá-la com mais força e marcar o seu primeiro gol com a camisa rubro-negra. Brasil 4 a 1. Aos 27, Brock cruzou e Felipe Garcia desviou de cabeça. A bola passou na frente do gol de Tom. Aos 36, em escanteio pela direita, Brock cobrou, a zaga cortou e sobrou para o camisa 6 cruzar novamente. Felipe Garcia desviou de cabeça e Leandrão, na pequena área, ia empurrando para o gol, quando Tom fez novo milagre. No último lance de perigo do jogo, Leandrão foi lançado, ganhou na disputa da zaga, percebeu o goleiro paulista adiantado e tentou encobri-lo, mas a bola passou perto da trave esquerda da Lusa.

Com a vitória, o time do técnico Rogério Zimmermann chegou ao 23° ponto na competição e segue líder do Grupo B da Série C do Brasileirão. O próximo desafio é na capital do Paraná, Curitiba, contra o Guaratinguetá, no Eco Estádio. A partida será no sábado (15), às 11h.

Assessoria Brasil de Pelotas
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: