Pra encher os olhos 
Brasil vence o Guaratinguetá no Vale, chega ao quinto ponto e segue firme na ponta de cima da tabela de classificação na Série C

Foi um domingo para a Maior e Mais Fiel colocar na história. Não por conquistar títulos ou qualquer outro feito que coloque troféus nas estantes do Bento Freitas, mas sim pela atuação do time do técnico Rogério Zimmermann. Jogando em Novo Hamburgo, no estádio do Vale, o Brasil venceu o Guaratinguetá por 2 a 0, chegou ao quinto ponto na classificação da Série C  do Brasileirão e segue firme no alto da tabela. Washington e Leandrão marcaram os gols na primeira vitória Xavante na competição. O próximo adversário é um velho conhecido. No próximo domingo (7), o rubro-negro viajará para a serra gaúcha, onde enfrentará o Caxias, a partir das 15h.

A bola mal havia rolado no Vale e o Brasil já mostrara que seria nesse domingo a primeira vitória na competição (nas duas rodadas inicias, dois empates contra Juventude e Portuguesa). Aos 2 minutos, Washington ajeitou para Alex Amado. O baixinho chutou de primeira e o goleiro Felipe salvou o time paulista. Xaro, aos 19, cruzou da direita e Nena subiu firme e cabeceou para o gol. Novamente, Felipe salvou o Guaratinguetá.

Leandro Camilo, aos 30, aproveitou cruzamento de Xaro, subiu alto, cabeceou para fora e quase abriu o placar no jogo. Três minutos depois, Nena deixou a bola para Amado, que, na cara do gol, tentou deslocar do goleiro, mas viu Felipe salvar os visitantes novamente. Mas aos 37 não teve jeito. Depois de uma cobrança de escanteio, Washington, na primeira trave, desviou de cabeça. A bola bateu na trave e o goleiro do Guaratinguetá tentou evitar o gol, mas a bola já estava dentro do gol. Brasil 1 a 0!

O segundo gol teimou em não sair ainda no primeiro tempo. Aos 45, Nena desviou de cabeça e Alex Amado tocou no canto, a bola caprichosamente tirou tinta da trave. Dois minutos depois, Felipe Garcia entrou sozinho na área e, cara a cara com o goleiro, concluiu para fora. Era o último lance de perigo da primeira etapa.

No segundo tempo, Felipe Garcia protagonizando, junto com Alex Amado, a primeira chance. Aos 5, ele lançou o baixinho, mas a bola foi forte demais e o goleiro ficou com ela. Aos 9, Diogo Oliveira driblou a marcação, entrou na área e chutou no canto. A bola saiu pela linha de fundo. Aos 20, Xaro recebeu bola na linha de fundo e arriscou, sem ângulo, um forte chute. Felipe conseguiu mandar para escanteio.

Diogo Oliveira, o Maestro rubro-negro, aos 22, soltou uma bomba e obrigou Felipe a fazer um verdadeiro milagre. Nena, aos 29, subiu alto, aproveitou cruzamento de Xaro e cabeceou para fora. Aos 34, Leandrão daria números finais à partida. Galiardo, com perfeição, ajeitou a bola com o peito e o centroavante mandou uma bomba no canto. Brasil 2 a 0!

Leandrão, aos 40, ainda teve oportunidade de marcar o terceiro, depois que Diogo Oliveira o deixou na cara do gol. Ele até empurrou a bola para a rede, mas o impedimento marcado invalidou o gol do centroavante.

E assim se escreveu a história da primeira vitória Xavante na Série C 2015. Ao chegar ao quinto ponto, o rubro-negro segue na ponta de cima da tabela e agora, no próximo domingo (7), vai a Caxias do Sul enfrentar o Caxias, às 15h, na quarta rodada do certame nacional.

FOTO: Carlos Insaurriaga / GEB

Jonathan Silva
Assessoria de Imprensa GE Brasil
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: