A França goleou a Suíça por 5 a 2 e não deixou espaço para o time adversário durante quase todo jogo. Apenas nos 20 minutos finais de partida, os suíços reagiram marcando dois. O resultado confirma Salvador como o principal palco de goleadas no Mundial do Brasil. Antes do placar elástico dos franceses, a capital baiana já havia recebido Holanda 5 x 1 Espanha e Alemanha 4 x 0 Portugal.

Com o resultado, a França está bem próxima da classificação para as oitavas de final. A goleada também confirma Benzema como um dos grandes jogadores desta Copa do Mundo. O atacante francês foi o maestro da vitória francesa e teve participação direta em três gols de sua seleção.

Caminho da goleada francesa
O jogo começou lento com o selecionado francês dando chutes longos e os suíços se defendendo, até que, aos 16 minutos, o grandalhão Giroud (1,92m) recebeu um cruzamento na área e marcou o primeiro gol da França.
Menos de um minuto depois, a Suíça errou na saída de bola, permitindo o contra-ataque francês. Benzema conduziu a bola até a área suíça e cruzou para Matuidi conferir - 2 a 0.  A torcida francesa foi incendiada e começou a cantar o hino do país, a Marselhesa, em altos brados no Estádio da Fonte Nova, em Salvador (BA).
O time suíço continuava a criar poucas chances de gol e a França era pressão total. Aos 31 minutos, em tentativa de ataque na área suíça, o atacante Benzema sofreu falta e a França recebeu pênalti. O centro-avante chutou fraco para defesa do goleiro suíço Benaglio. Na sobra, o francês Cabaye chutou forte contra o gol suíço mas a bola bateu na trave.
Mesmo com o erro, o rolo-compressor francês não parou e em contra-ataque Varane mandou a bola para Giroud em velocidade que avançou pela ponta esquerda e cruzou para Valbuena sozinho registrar 3 a 0 para França.
No segundo tempo, a Suíça voltou tomando iniciativa e a França parecia cautelosa e disposta a manter o resultado. Aos 21 minutos, o craque Benzema recebeu bola de Pogba e bateu entre as pernas do goleiro, marcando 4 a 0 para a França.
Seis minutos depois, a França marcaria seu quinto gol com lance de Cabaye pela intermediária para Sissoko bater firme e ampliar o placar na Fonte Nova, 5 a 0.
Reação Suíça
A Suíça mantinha 55% da posse de bola, mas não consegui chegar ao gol até que, aos 35 minutos do segundo tempo, Dzemaili acertou um tiro de fora da área que foi para o canto do gol francês, diminuindo a vantagem Francesa, 5 a 1. Os suíços continuariam pressionando a França e chegariam ao segundo gol com Xhaka, que recebeu a bola sozinho na área francesa e bateu de canhota para marcar 5 a 2.

No último minuto dos descontos, aos 48 minutos de jogo, o atacante Benzema chutou contra o gol suíço, mas o gol foi anulado pelo juíz que acabara de terminar a partida.

Ficha do Jogo
Suíça 2 X 5 França
Data: 20 de junho de 2014
Horário: 16h
Estádio: Arena Salvador (Salvador – BA)
Árbitro: Bjorn Kuipers (Holanda)
Auxiliares:  Sander van Roekel e Erwin Zeinstra (Holanda)
Escalação: Suíça: Benaglio, Lichtsteiner, Von Bergen (Senderos), Djourou, Ricardo Rodrigues, Xhaka, Behrami (Dzemaili), Inler, Shaqiri, Mehmedi, Seferovic (Drmic).
França: Lloris, Debuchy, Varane, Sakho (Koscielny), Evra, Cabaye, Matuidi, Valbuena (Griezmann), Sissoko, Giroud (Pogba), Benzema.
Gols: Giroud (França) 16 min do 1º tempo, Matuidi (França) 17 min do 1º tempo, Valbuena (França) 39 min do 1º tempo, Benzema (França) 21 min do 2º tempo, Moussa Sissoko (França) 27 min do 2º tempo, Dzemaili (Suíça) 35 min do 2º tempo, Xhaka (Suíça) 41 min do 2º tempo.
Cartões:  Cabaye 42 min do 2º tempo

  • Direitos autorais: Creative Commons - CC BY 3.0
  • Lauro Mesquita - Portal EBC
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: