Depois da partida, Sandro Sotilli, que se despede do Estadual, chorou em campo

A trajetória do Pelotas do Gauchão 2014 encerrou de maneira melancólica. Na noite desta quarta-feira, o Lobão levou 3 a 0 do Caxias em plena Boca do Lobo e está rebaixado para a Segundona. Ao final da partida, os torcedores protestaram muito e lamentaram a queda da tradicional equipe da zona sul do estado. Os gols do Caxias foram marcados por Julio Madureira, Thiago Santana e Wallacer.

Com apenas oito pontos, o Pelotas tem a pior campanha do Gauchão. Mesmo com o julgamento do Esportivo, que pode perder três pontos por atos racistas contra Márcio Chagas da Silva, o Lobão não supera o time de Bento Gonçalves e, portanto, não tem mais como sair da zona de rebaixamento. Já o Caxias chegou aos 24 pontos e colocou no Grêmio, que tem 26, e é o líder do Grupo B.

Depois da partida, o atacante Sandro Sotilli, de 40 anos, um dos maiores ídolos da história do Pelotas e que está se despedindo do Gauchão, chorou no gramado da Boca do Logo. Ele é o maior artilheiro do campeonato estadual do Rio Grande do Sul.

- Quero agradecer a elas (filhas). O pai delas tentou fazer sempre o máximo. E eu vou chegar em casa de cabeça erguida, dar um beijo nelas. E tenho certeza de que elas têm muito orgulho do pai delas, por toda trajetória que eu fiz dentro de campo. Acho que foi uma trajetória brilhante e eu tenho de agradecer a Deus pela família e por tudo que ele me deu dentro de campo - disse.

Na próxima rodada, o Pelotas enfrenta o Grêmio, fora de casa, ainda sem local definido, já que o Tricolor perdeu um mando de campo pelo rojão lançado no Alfredo Jaconi. Já o Caxias recebe o Novo Hambrgo, no Centenário. Os dois jogos serão disputados às 16h, no domingo.


GloboEsporte.com
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: