Brasil vence mais uma fora de casa e atinge o segundo objetivo da competição: está classificado para as quartas de final do Gauchão

Se no Bento Freitas já é temido, o Brasil é sem dúvidas o visitante mais indesejado deste Gauchão 2014. Jogando em Lajeado, o rubro-negro conseguiu mais uma vitória longe do seu estádio. Em partida válida pela 13ª rodada do Gauchão 2014, a equipe pelotense venceu o Lajeadense por 1 a 0. Ricardo Schneider, aos 43 minutos do segundo tempo, marcou o gol Xavante. Com o resultado positivo, o Brasil chegou ao seu 25° ponto no Grupo A e garantiu matematicamente a classificação à próxima fase. A próxima partida do Brasil é na quarta (12), às 20h30min, no Estádio Passo DAreia, contra o São José.

Depois de conquistar o seu primeiro objetivo na competição, ainda na metade da disputa, da permanência na elite do futebol gaúcho, agora o Brasil conseguiu atingir a segunda meta no Gauchão 2014: a classificação para as fases finais do estadual. Méritos ao trabalho feito pela direção do clube, sob a batuta do técnico Rogério Zimmermann.


Mas para chegar a sua terceira vitória longe do Bento Freitas, o Brasil precisou enfrentar uma forte marcação do Lajeadense. Rafael Forster, em cobranças de falta, levava perigo ao gol de Eduardo Martini, que, por diversas vezes, precisava abandonar a meta para afastar a bola. E foi assim, em cobrança de falta do lateral rubro-negro, que, aos 43 minutos do segundo tempo, a equipe pelotense chegou ao gol da vitória. Forster cobrou a falta com perfeição e Ricardo Schneider desviou de cabeça. A partida ainda ficou marcada por um pênalti claro, em Tulio Souza, não marcado por Fabrício Neves Correa.

O JOGO

Em uma tarde de temperatura agradável em Lajeado, Brasil e Lajeadense protagonizam um jogo bastante disputado. Aos 7 minutos, em falta frontal, Rafael Forster cobrou para a área e Eduardo Martini, de soco, afastou a bola. Aos 16, Forster cobra nova falta para a área e Martini precisa novamente sair do gol para afastar a bola. Aos 21, falta no bico da grande área e Rennan bate rasteiro, assustando o goleiro Luiz Muller.

Aos 27, Wender rolou a bola para Cleiton. O camisa 7 Xavante dominou na entrada da área e, com um leve toque na bola, deixou o adversário caído no chão. Ele tentou a conclusão para o gol, mas a bola explodiu na zaga. No rebote, o próprio Cleiton cruzou para área, onde Léo Dias chutou para fora. Já aos 29, Eduardo Martini precisou novamente afastar a bola, em falta cobrada por Forster.

Evaldo, aos 38 minutos, antecipou-se a Éber, ficou com a bola e arriscou um chute de longe. A bola saiu sobre o gol de Eduardo Martini. Aos 40, Tulio Souza foi quem arriscou um chute de fora da área. Novamente a bola não foi no gol dos donos da casa. E assim foi a história do primeiro tempo de Brasil e Lajeadense.

Melhor na partida, o Brasil voltou para o segundo tempo disposto a balançar as redes. Aos 9 minutos, em boa jogada de velocidade, Léo Dias chutou rasteiro para fora. Aos 25, em falta frontal, o Lajeadense tentou assustar o goleiro Luiz Muller. Sem sucesso.

Aos 29, o árbitro Fabrício Neves Correa protagonizou um lance de pura infelicidade. Alex Amado foi a linha de fundo, gingou sobre o adversário e cruzou. Túlio Souza invadiu a área em velocidade e antecipou-se a zaga do Lajeadense. Mais rápido na jogada, o camisa 10 Xavante foi derrubado. Falta na área é pênalti. Mas o árbitro da partida, mesmo há poucos metros do lance, não marcou a irregularidade.

Mesmo em um jogo truncado, de forte marcação, o Brasil conseguiu encontrar o caminho das redes. Aos 43 minutos, quando o jogo encaminhava-se para o final, o sempre guerreiro time de Rogério Zimmermann chegou ao tão sonhado gol. Rafael Forster cobrou falta pelo lado direito do campo. Como sempre, o lateral Xavante foi preciso no cruzamento e a bola encontrou a cabeça de Ricardo Schneider. Ele subiu alto, cabeceou para o fundo das malhas e correu para comemorar com a Maior e Mais Fiel. Brasil 1 a 0.

Depois que as redes foram balançadas, não teve tempo para mais nada de perigo na partida. Aos 48, o árbitro Fabrício Neves Correa apitou o final da partida. Mais uma vitória Xavante neste Gauchão 2014.

FOTOS: Carlos Insaurriaga / GEB


Jonathan Silva
Assessoria de Imprensa GE Brasil
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: