O nadador Thiago Pereira é uma das estrelas da delegação
Superado na última edição dos Jogos Sul-americanos, o Brasil disputa a edição do Chile a partir desta sexta-feira para retomar a hegemonia no continente. O evento, a ser disputado nas cidades de Santiago e Viña del Mar, marca a primeira reunião da delegação nacional no ciclo das Olimpíadas do Rio de Janeiro-2016.

A patinação de velocidade e o basquete decidiram não mandar representantes, enquanto algumas modalidades enviaram equipes alternativas. No entanto, a delegação conta com alguns medalhistas olímpicos e mundiais, como Fabiana Murer, Mauro Vinícius "Duda" da Silva, Arthur Zanetti (porta-bandeira) e Thiago Pereira, entre outros.

“Levaremos ao Chile uma delegação bastante heterogênea, mas muito forte, mesclando atletas consagrados e jovens talentos. Estabelecemos estratégias diferentes para cada modalidade, em conjunto com as respectivas confederações, e o objetivo é que cada uma delas cumpra suas metas”, disse Marcus Vinicius Freire, diretor executivo de esportes do Comitê Olímpico Brasileiro (COB).



Com o ex-jogador de vôlei Bernard Rajzman como chefe de missão, a equipe nacional conta com 481 atletas de 41 modalidades. Na visão de Freire, a competição chilena funcionará como uma espécie de teste no contexto das Olimpíadas do Rio de Janeiro-2016.
“Os Jogos Sul-americanos serão a primeira oportunidade de reunirmos o Time Brasil em uma competição multiesportiva dentro deste ciclo olímpico histórico para o nosso país. Será uma oportunidade excelente para os atletas terem contato com os serviços oferecidos pelo COB, além do intercâmbio com atletas de outras modalidades”, disse.




Premiado nos Jogos Olímpicos de Londres-2012 e no Mundial de Barcelona-2013, Thiago Pereira é uma das estrelas do Brasil no Sul-americano. No evento, o nadador tentará buscar o índice nos 200m medley para o Pan-pacífico, sua principal competição no ano, marcada para agosto.



“Espero conseguir logo o índice. Assim, fico mais tranquilo para o restante do ano. Fazer parte da Seleção Brasileira é uma motivação a mais. Mesmo não sendo a principal competição do ano, é sempre bom nadar bem, independentemente do estágio de treinamento”, disse Pereira, também inscrito nos 100m costas.
Os Jogos Sul-americanos serão classificatórios para o Pan-americano de Toronto-2015 nas seguintes modalidades: boliche, caratê, esqui aquático, handebol, hipismo saltos, hipismo adestramento, hóquei sobre grama, judô, lutas associadas, pentatlo moderno, rúgbi e triatlo.



Líder do quadro de medalhas nas edições de 2006 e 2002 da competição, o Brasil acabou superado pela Colômbia, anfitriã em 2010. Para recuperar a hegemonia no continente sul-americano no Chile, a equipe nacional precisará superar outros 13 países. 
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: