Os deputados federais Afonso Hamm (PP-RS) e Romário, que integram a Comissão de Turismo e Desporto (CTD), estão trabalhando para que a FIFA garanta um percentual dos lucros da Copa do Mundo de Futebol de 2014 para a realização de projetos de inclusão dos jovens e deficientes nas atividades esportivas.
 
Hamm e Romário são autores de um requerimento aprovado na CTD para debater o legado social da Copa. O evento está previsto para o dia 2 de outubro. Para este encontro serão convidados o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, o presidente da CBF e do Comitê Organizador Local da Copa, José Maria Marin, e o secretário geral da entidade, Jeróme Valcke.
 
Os dois deputados são autores do artigo 29, da Lei Geral da Copa, que prevê que os lucros da entidade sejam aplicados na construção de Centros de Treinamentos destinados à formação de atletas da categoria de base, em especial do futebol e também para promover atividades esportivas para os deficientes.
 
Centros de Treinamento
 
Os percentuais a serem repassados para esses projetos não ficaram estabelecidos na Lei e neste sentido, os parlamentares querem promover um debate para definir os critérios. “O texto prevê a contribuição voluntária dos recursos. No entanto, deve ser dimensionado quanto a FIFA irá destinar para a construção dos CTS. Eu imagino que nós podemos construir mais de 100 deles, se conseguirmos 10% dos lucros da FIFA”, assinala Hamm ao enfatizar que o legado não poderá ser voltado somente as grandes obras de estádios, mas também para promover a inclusão social de jovens, formar atletas e apoiar as crianças e jovens com deficiência.
 
Romário sugere que as crianças, jovens e adultos com deficiência possam se beneficiar com estes recursos, visando à instalação de estruturas para as atividades esportivas. 
 
 
 
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: