Por GLOBOESPORTE.COM                                                            
A Bélgica até tentou fechar a marcação, mas a renovada seleção brasileira de futsal mostrou novamente a sua força. No segundo amistoso diante dos europeus, neste domingo, em Fortaleza, a equipe voltou a golear, vencendo por 5 a 1. Sob os olhares de Falcão, que acompanhou a partida da arquibancada, os destaques foram Elisandro, apelidado de ''Imperador'' por sua semelhança com o atacante Adriano, e Sinoê, que marcaram duas vezes. Rodrigo também deixou o seu, enquanto Neukermans foi o autor do gol belga.
Seleção goleia Bélgica em amistoso de Futsal, em Fortaleza (Foto: Bruno Gomes/Agência Diário)Seleção goleia Bélgica em amistoso de Futsal, em Fortaleza (Foto: Bruno Gomes/Agência Diário)
 
Depois da goleada sofrida na última quinta-feira, por 6 a 1, a Bélgica adiantou sua marcação e tentou fechar sua defesa no amistoso de Fortaleza, dificultando o ataque brasileiro no começo da partida. Só aos 12 minutos de jogo, a seleção do técnico Ney Pereira encontrou o caminho certo do gol. Após uma bonita jogada ensaiada, Zico tocou para Rodrigo, que fez a finta e encontrou Elisandro, que finalizou e abriu o marcador.
A vantagem foi ampliada logo aos 15 minutos. Após um passe preciso de Grillo, Sinoê recebeu e completou de canhota para o gol. O Brasil seguiu pressionando e conseguiu o terceiro gol já no minuto seguinte. Após a sexta falta coletiva da Bélgica, Rodrigo bateu o tiro livre direto com força, sem chance para o goleiro Morant.


Seleção goleia Bélgica em amistoso de Futsal, em
Fortaleza (Foto: Bruno Gomes/Agência Diário)
Calcanhar e cavadinha
Seleção goleia Bélgica em amistoso de Futsal, em Fortaleza (Foto: Bruno Gomes/Agência Diário) O Brasil voltou embalado para o segundo tempo. A defesa belga já não conseguia impedir as ofensivas da equipe de Ney Pereira. Aos 2 minutos da etapa, Daniel deu um bonito passe de calcanhar para Sinoê, que mandou para o gol de cavadinha, sem chance para o goleiro Morant: 4 a 0.
A Bélgica só conseguiu marcar seu gol aos sete minutos . Após um contra-ataque rápido, Omar encontrou o fixo Neukermans livre para bater no canto do goleiro Guitta. Mas a seleção brasileira não demorou para responder. Aos nove minutos, o pivô Elisandro deixou novamente a sua marca. Ao receber a bola livre, ele errou a finalização, mas pegou bem o rebote do goleiro e mandou para a rede.
A partir daí, a seleção foi apenas administrando o resultado. Ney Pereira chegou a encontrar boas chances, mas errou na pontaria na hora do último chute. A Bélgica, por sua vez, pouco ameaçou.

Brasil: Guitta; Daniel, Rodrigo, Thiaguinho e Sinoê. Entraram: Elisandro, Serginho, Zico, Grillo, Diece, Dian e Felipe Paradynski. Técnico: Ney Pereira

Bélgica: Morant, Dahbi, Ahmed Sababti, Liliu e Omar Rahou. Entraram: Jaca, Salhi, Chaibai, Neukermans, Anik, El Ghaadaoui, Betinho e El Ghoulbzouri. Técnico: Alain Dopchie
Axact

Canguçu Sports

Canguçu Sports é um blog portal voltado para as notícias esportivas da cidade de Canguçu e Zona Sul do estado do Rio Grande do Sul, criado em 2008 com intuito de facilitar a inclusão esportiva e na mídia digital é parte integrante da empresa BR PRESS. E-mail : editorresponsavel@gmail.com

Deixe um comentário:

0 comments: